quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Amamentação: O que eu faria diferente!

Eu sei que a semana mundial de aleitamento materno já passou ( 1 a 8 de agosto) mas, digamos, que eu me empolguei com o assunto. Ao contar a minha experiência de amamentação vi que se eu pudesse voltar no tempo faria algumas coisas diferentes ( coisas que com o meu próximo baby pretendo fazer), e vou relatar neste post.

Menos vergonha de amamentar em público:

Nunca achei feio ou vergonhoso ver outras mulheres dando de mamar, pelo contrário, acho lindo, sempre achei! Mas quando chegou a minha vez eu tive. Tinha muito pudor com esse negócio de tirar o seio em qualquer lugar pra amamentar, eu, muitas vezes, preferia me recolher com minha filha pra conseguir amamentar confortavelmente. Só sei que, se eu fosse mãe novamente hoje, com certeza pararia com essa vergonha e alimentaria minha filha em qualquer lugar e a qualquer hora, como deve ser.

Manteria a amamentação exclusiva até o 6º mês:

Como disse no meu relato, a Isabel mamou só no peito até os 3 meses pois aos 4 eu voltaria a trabalhar, e desmamou definitivamente aos 6 meses. Hoje eu teria insistido mais na amamentação exclusiva dela. Compraria ou alugaria uma bombinha para extração do leite (bomba tira leite) e começaria a armazenar 15 dias antes de voltar ao trabalho.

Fotos: www.alobebe.com.br
Orientaria a pessoa que fosse cuidar dela à oferecer o leite no copinho. Acredito que a mamadeira foi a grande vilã da nossa experiência, ela não tinha mais paciência pra sugar o peito, deixava de mamar rapidinho e lá ia eu preparar a dita-cuja. Começou parando com as mamadas da manhã e aos 6 meses parou as da noite também.
Mas, pra falar a verdade, o que eu quero mesmo para o próximo é  não estar trabalhando e viver esse momento integralmente, da forma que eu sempre sonhei: só leite materno até os 6 meses! Nada de chás, água, leite artificial ou papinhas antes disso. Depois, iniciar a alimentação complementar com calma, sem o estresse que passei. E, pra finalizar, manter a amamentação até 1 ano, no mínimo!

Objetos para facilitar a amamentação:

-Compraria uma poltrona beeem confortável pra amamentar, se não tivesse espaço compraria uma almofada de amamentação, minhas costas e braços ficaram muito doloridos por não ter onde apoia-la.

Fotos: www.tricae.com.br

-Conchas de amamentação eu compraria duas, uma com base flexível ( que era a que eu tinha) e uma com base rígida ( é boa pra dormir, pois não vaza embaixo quando enche muito) compraria antecipadamente pois uma coisa que acontece com toda mulher que amamenta é seios vazando. Os bicos de silicone (protetor de mamilos) eu só compraria depois de ver se vai dar muita ferida ou não, quem usou diz que pode salvar num caso de muita dor ao amamentar.

Fotos: www.alobebe.com.br


-Absorventes de pano para seios ( ou discos de tecido laváveis para seios) compraria 2 pares com certeza . Quando ganhei a Isabel sempre usei os descartáveis que foram muito úteis nos momentos que eu saia por mais tempo, mas eles são muito caros (cerca de R$ 15,00 o pacote). Já o de tecido custa de R$10,00 a R$40,00),  lavô-tá-novo, são ecologicamente corretos, dá pra usar por muito tempo e ainda passar pra frente quando parar de amamentar!

1ª foto: www.mamaenatureza.net - 2ª foto: www.carinhodepano.com.br/

-Sutiãs para amamentação: Ganhei 2 e usei muito, até o desmame. Se eu tivesse mais experiência compraria pelo menos uns 4 antes de engravidar e mais alguns se a amamentação engrenasse da forma que eu esperava . É bom ter bastante pois suja muito, vaza leite e tem que trocar todos os dias no começo. Também compraria mais modelos diferentes, como o com costas nadador ou com bojo pois me sentia meio limitada na hora de usar alguma blusa.

1ª foto: www.tricae.com.br - 2ª foto: www.americanas.com.br



4 comentários:

  1. ainda não conhecia seu cantinho e amei. Gostei muito das dicas pois tive meu primeiro filhote e cometi vários erros como o seu, por exemplo fotos amamentando...eu nao tenho acredita? perdi esse momento lindo... e agora que to gravida de novo vou usar todas as diquinhas. Aproveito para convida-la a participar da promoção que ta rolando no meu bloguinho
    http://www.mamybrasil.blogspot.com.br/2013/08/nesse-dia-dos-pais-o-presente-pode-ser.html

    ResponderExcluir
  2. Olá Andressa xará da minha filha mais velha, venho através do comentário que vc escreveu em uma postagem minha no Recanto das Mamães Blogueiras, muito obrigado! Gostei muito das dicas que vc deu nesta postagem, infelizmente não amamentei, tive muitos problemas de saúde durante as duas gravidez! Mas Enfim, já vou seguir, e deixo o convite para conhecer meu blog particular! www.trilhamarupiara.com Abraçosss

    ResponderExcluir
  3. Oi, Andressa! Muito obrigada por compartilhar tudo isso! Além de pensar o que você fará diferente na próxima vez, você tá ajudando pessoas que como eu ainda vão ter essa experiência. Como moro fora, aqui é muuuito caro pagar creche ou babá. Então vou parar de trabalhar quando tiver meu bebê, o que será ótimo! Mas aqui esse negócio de amamentar é meio complicado. Há muito pudor! Ninguém amamenta na rua, as bombinhas são mais comuns aqui. É contraditório que aqui se fala muito de amamentar até os 6 meses de forma exclusiva, mas as mães que amamentam em público são super mal vistas. Complicado...
    Beijso,
    Rita

    ResponderExcluir
  4. oie Andressa continue convidando as amigas a participarem do meu sorteio, e deixei um selinho para seu blog la no meu, não sei se vc gosta mas esse foi meu primeiro e escoli seu blog para mandar bjo
    http://depoisqcasei.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir